You are currently viewing Vender cursos online: como a tecnologia suporta o ensino a distância

Vender cursos online: como a tecnologia suporta o ensino a distância

O setor educacional foi um dos que mais sofreu mudanças em 2020. Além do fechamento das instituições, outras preocupações decorrentes desse fenômeno passaram a assolar professores, gestores e alunos. Dentre as questões enfrentadas, o crescimento da evasão escolar e a queda nos índices de aprendizagem são as mais comentadas.

Diante de um cenário tão desafiador e que exige rápidas respostas do segmento de educação, muitos apostam na tecnologia para vender cursos online. Segundo especialistas, ao mesmo tempo em que é compatível com os protocolos sanitários atuais, o ensino a distância é mais flexível e eficiente financeiramente, inclusive para os estudantes.

Ficou interessado? Então, continue lendo e entenda como a tecnologia suporta a venda de cursos online, um negócio promissor inclusive no cenário pós-pandemia.

Versatilidade é palavra de ordem no ensino a distância e para vender cursos online

Versatilidade é o termo que melhor descreve o ensino a distância. Talvez por isso a modalidade sempre fez sucesso em cursos preparatórios, de idiomas e no ensino superior, visto que se adequa aos bolsos e horários dos estudantes. Em 2020, no entanto, todo o setor da educação precisou virtualizar suas aulas.

Para algumas instituições, essa necessidade acabou transformando a forma de encarar o ensino a distância. De uma alternativa pontual ao distanciamento social, vender cursos online passou a ser uma oportunidade de negócios.

Igualmente, estima-se que mais estudantes, agora com mais tempo em casa, vejam a modalidade como uma chance de incrementar o currículo.

Além da maior flexibilidade de horários e preços, estima-se que o interesse crescente por cursos não presenciais e semipresenciais também se deva à adoção de novas tecnologias. Conforme veremos adiante, por trás de cada curso online, há uma série de soluções inovadoras conectando professores e alunos.

Alta nos cursos online precede a pandemia

Apesar da relação entre o fechamento das instituições e a alta dos cursos online, é importante ressaltar que a tendência precede a pandemia – ao menos na graduação e em cursos livres de especialização. Segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – INEP, já em 2019, 43,8% dos estudantes que ingressaram no ensino superior optaram pela modalidade a distância.

Embora os 56,2% restantes ainda preferissem as aulas presenciais, os últimos anos mostram uma queda nessa tendência. Em 2009, quando se inicia a série histórica divulgada pelo INEP, as matrículas para o modelo EAD correspondiam a apenas 16,1% do total.

O número registrado dez anos depois, entretanto, corresponde a um aumento de 4,7 vezes. Em números exatos, pode se dizer que o ensino a distância cresceu 378,9%.

Essa alta é especialmente impressionante se considerarmos que, no mesmo período, de 2009 a 2019, a modalidade de ensino presencial cresceu apenas 17,8%.

Sobre a qualidade dos cursos de graduação online oferecidos no país, Alexandre Lopes, presidente do INEP, afirma que “não dá pra dizer que o curso a distância é melhor ou pior”. Para Lopes, há diferenças fundamentais entre os perfis dos estudantes de cursos presenciais e online.

Vender cursos online: como a tecnologia suporta o ensino a distância - Ecotelecom Vivo Empresas

Tecnologia por trás da venda de cursos online

Embora os dados acima reflitam apenas o recorte do EAD no ensino superior, é importante observar que outros segmentos da educação também podem se beneficiar dessa tendência.

Assim como em toda abordagem inovadora, no entanto, vender cursos online exige recursos, ou, em outras palavras, exige tecnologia.

Ao utilizar as soluções tecnológicas certas, gestores e professores não só tornam seus trabalhos mais eficientes, como também estimulam os alunos a estudar. Esse, inclusive, é um ponto importante, visto que um dos reflexos da pandemia na educação foi a queda do interesse dos alunos.

Nesse contexto, um bom serviço de conectividade abre espaço para que as aulas online sejam mais dinâmicas. Isso porque, com uma conexão estável, a comunicação entre aluno e professor se torna mais fluida, superando as limitações causadas pela distância.

Da mesma forma, adotar soluções sólidas de produtividade e colaboração, como o Office 365, permite que docentes e discentes façam mais com as ferramentas certas.

Mas a tecnologia desempenha um papel fundamental para as instituições educacionais antes mesmo da matrícula, especialmente no que tange à captação de alunos.

Assim como em outros setores, a análise de dados permite compreender uma série de fatores, como as expectativas do público estudantil. Uma vez com informações como essa em mãos, a organização pode se adaptar para atrair mais clientes.

Mesmo para quem vende cursos presenciais, investir em inovação é fundamental, já que afeta a percepção dos alunos sobre a instituição.

Com as tecnologias certas, é possível manter o site estável, uma administração eficiente e bibliotecas modernas, além de integradas. Esses e outros fatores certamente contribuem com a satisfação dos estudantes.

Cloud e Data Centers

No caso de instituições maiores e que gerenciam uma grande quantidade de dados e aplicações, por outro lado, também pode ser vantajoso migrar para a nuvem.

Independentemente da solução escolhida, no entanto, as vantagens da virtualização de um Data Center são indiscutíveis, incluindo, entre outros itens:

  • Eliminação dos custos de manter uma infraestrutura própria;
  • Resolução de problemas com suporte especializado;
  • Mais flexibilidade para atender o crescimento da organização.

Essa solução facilita o trabalho de professores a distância. Além disso, também ajuda instituições de ensino em momentos de pico de acesso, como em promoções de cursos, por exemplo.

Inovação aliada à segurança

Como você já deve imaginar, para ser realmente sofisticada, uma solução tecnológica precisa ser segura. E, ao vender cursos online, toda (ou quase toda) a troca de informações entre aluno e instituição é feita através da internet.

Justamente por isso, ao migrar para uma infraestrutura virtual, é preciso ter a segurança como um ponto de partida, princípio que deve nortear todas as implementações de TI. Afinal, estamos falando tanto de informações corporativas quanto pessoais.

Vale lembrar que a responsabilidade dos dados coletados de clientes, funcionários e fornecedores é de responsabilidade das empresas, de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Isso mostra o papel crucial da proteção adequada de informações.

Conforme abordamos em outro artigo, uma pesquisa da International Information System Security Certort Consortium (ISC)² indicou que 93% das companhias consultadas estavam preocupadas com a cibersegurança. Além disso, um quarto delas afirmou ter tido algum incidente na nuvem durante os 12 meses anteriores ao estudo.

Desde nossas soluções de rede, como a internet Fibra, a Vivo Empresas oferece também uma ampla gama de serviços de segurança digital.

Conclusão

A tecnologia pode ser uma forte aliada na hora de vender cursos online, seja com o uso de dados para entender melhor quais grupos atingir, ou então com a flexibilidade da nuvem.

Mais do que isso, no entanto, ela garante que o serviço educacional, mesmo virtual, se dê de forma flexível, acessível e dinâmica. Os benefícios são percebidos por todos os envolvidos, alunos e professores, pais e gestores de ensino.

Com isso, concluímos que não é só por necessidade que os estudantes têm migrado para a educação a distância. A maturidade que esse método de ensino tem alcançado, sobretudo graças ao avanço tecnológico, também explica a ascensão do EAD.

Embora esteja em destaque especialmente por causa da pandemia, o ensino a distância, tal qual o home office, é uma realidade que veio para ficar. Justamente por isso, o fenômeno deve ser encarado como uma oportunidade, seja para a abertura de novos negócios ou para a expansão dos já existentes.

E com a Vivo Empresas, sua instituição educacional tem uma série de soluções para alavancar, ou até iniciar do zero, a evolução digital.

Com base em nossa expertise em serviços de Conectividade, oferecemos diferentes soluções tecnológicas que se adequam à realidade de cada escola incluindo Cloud, Gestão de Dados e Aplicações, Segurança e Produtividade.

Ficou com alguma dúvida ou está interessado em adquirir algum serviço? Clique no botão abaixo e fale com um dos nossos consultores.

Produtos Ecotelecom - Vivo Empresas

Sobre a Ecotelecom

Atuamos no mercado de telefonia corporativa desde novembro de 2008. Com sede na capital de SP, temos uma infraestrutura física instalada nas principais cidades do Estado de São Paulo, e também presença nos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul e Porto Alegre. São 10 Filiais e cerca de 130 colaboradores preparados para levar a solução ideal em telecomunicações para o seu negócio como Internet Vivo FibraLink Dedicado para Empresas, Locação de Computadores e NotebooksInternet Móvel e também Office 365

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.