A fatura do celular não está clara? Saiba como tirar suas dúvidas!

Como tudo na vida, o conhecimento evita inúmeras dores de cabeça. Trata-se de uma linha de pensamento que vale também no momento de você analisar a fatura do celular.

Isso porque pesquisas revelam que seis em cada dez usuários de planos móveis já tiveram algum problema na fatura, principalmente por conta de cobranças indevidas.

Por isso, a informação é a sua arma para fazer valer o seu direito do consumidor. Com o objetivo de deixá-lo bem esclarecido em relação ao tema, elaboramos este post com dicas práticas que o ajudarão a manter a clareza na hora de interpretar os boletos.

Leia atentamente o contrato  

A primeira dica é você ler atentamente o contrato antes de assiná-lo. Além disso, guarde uma cópia em um lugar de fácil acesso para sempre consultá-lo em determinado momento de dúvida.

Afinal, ao consultar os serviços cobrados na fatura, você poderá compará-los ao que foi acordado no dia da assinatura do plano, ou seja, o documento é uma garantia dos seus direitos.

Fora isso, é importante saber interpretar todos os detalhamentos da conta. É nessa hora que vale a pena buscar o auxílio do consultor da sua operadora para você ficar por dentro do assunto.

Isso porque o especialista é a pessoa melhor indicada para informá-lo corretamente sobre todas as cobranças e pormenores de cada plano, como minutos falados, conexão com a internet, ligações locais e interurbanas, entre outros pontos.

Vale evidenciar ainda que a solicitação da conta detalhada é um direito do consumidor e deve ser emitida pela operadora em até 48 horas.

Caso contrário, você poderá reivindicar o seu direito nos órgãos protetivos, como o Procon ou Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel)

Analise criteriosamente a fatura do celular 

A devida análise da fatura do celular é outra recomendação que não pode fugir da sua rotina mensal.

Veja os dados apresentados e se correspondem com a franquia escolhida, a divisão dos serviços, aparelho solicitado, enfim, aos aspectos que foram descritos no contrato de prestação do serviço.

Caso observe alguma cobrança indevida ou que contenha determinada inconsistência, a dica é manter a calma e procurar primeiramente o diálogo, tendo em vista que sempre existe um prazo para a quitação do débito.

Se o problema acontecer com você, procure imediatamente a sua operadora ou o consultor da sua confiança e converse sobre o assunto, sempre mantendo a cautela e a serenidade.

Dessa forma, com o devido respeito, certamente o problema será solucionado rapidamente, tendo em vista que as empresas valorizam os seus clientes e querem mantê-los em seus planos, principalmente de celulares corporativos.

Esclareça todas as dúvidas 

Como o entendimento da fatura do celular ainda causa muitos questionamentos nos consumidores, vale a pena sempre tirar todas as suas dúvidas no momento de fechar um contrato.

Por isso, mais uma vez, a conversa aberta e com clareza com o consultor é de extrema importância. Pergunte tudo e não tenha medo de demonstrar o seu desconhecimento sobre o assunto.

Com isso, certamente muitos problemas serão evitados, fazendo com que você faça valer o seu direito de ter informações corretas na apresentação da fatura.

Depois de tirar algumas dúvidas sobre a fatura do celular, que tal agora conhecer 4 dicas para economizar na conta do telefone móvel e fixo? Explore nossos conteúdos!